Meditação do dia

27/08/2014

O ministério cristão – Vida e obra dos crentes
A prática da liderança cristã

A cadeia sequencial da liderança

Leitura diária: Atos dos Apóstolos 18.1-11, 24-28
Leitura da Bíblia em um ano: Provérbios, capítulos 11, 12 e 13

 

Um dos fatores que mais valorizam o bom desenvolvimento em cada igreja do ministério da liderança é a cadeia em sequência que ela traz de continuidade nos trabalhos da igreja. À medida que o pastor e seus auxiliares descobrem novos talentos e os vão trabalhando, dando oportunidade, corrigindo seus impulsos e incentivando os seus esforços, esses novos líderes que surgem hoje vão possibilitar o surgimento de uma nova geração de liderança amanhã.


Lembro-me de algumas igrejas em meu passado de infância e adolescência que conheci mais de perto pela convivência e companhia com colegas crentes, dos quais depois me afastei, por mudança de residência, outros compromissos, motivos diversos. Quando anos depois, voltei a visitar a igreja, verifiquei a presença de alguns daqueles líderes do passado, mas já agora, envolvidos em meio a uma nova liderança que surgia, o que atesta o crescimento da obra de Deus quando feita com devoção e submissão ao Senhor.


A igreja em Corinto, no Novo Testamento, nos dá um exemplo disso. Paulo, passando ali um ano e seis meses, vai presenciar a passagem de várias pessoas que em determinados momentos exerceram seus papéis de líderes envolvidos nos trabalhos daquela igreja: Áquila e Priscila, Silas e Timóteo, Tito Justo e Crispo, atuaram conjuntamente com ele durante parte desse tempo. Mais tarde, vamos ver a chegada de um mais líder de capacidade:


"...Quando ele [Apolo] passou à Acaia, os irmãos o animaram
e escreveram aos discípulos que o recebessem;
e tendo ele chegado auxiliou muito aos que pela graça haviam crido,
pois com grande poder refutava...
demonstrando pelas Escrituras que Jesus era o Cristo"
(At 18.27,28).


Assim é que a obra de Deus se faz. Os líderes podem ser diferentes, melhores nisto ou naquilo do que aqueles que os antecederam, mas quando todos trabalham para o Senhor com dedicação e submissão, a obra de Deus se estende e se propaga. Foi isso que aconteceu em Corinto pela instrumentalidade do Espírito Santo que operou tanto em Paulo como em Áquila e Priscila, como em Crispo e, finalmente, em Apolo.

 

Oração para o dia:

Capacita-me, Senhor, a estar sujeito ao teu domínio de forma que minha capacidade de liderar não predomine sobre a tua condução espiritual em minha vida.

JUERP- todos os direitos reservados 2010